PCES captura um dos criminosos mais procurados da região norte do estado após um ano de fuga

Na manhã desta segunda-feira (13), a Polícia Civil do Espírito Santo (PCES) capturou, após um ano de fuga da Penitenciária Semiaberta de Vila Velha (PSVV), Charle Pinheiro Januário, de 47 anos, conhecido como “Negão Charles”, “Preto” e/ou “Sorriso”.

A ação conjunta envolveu a Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de São Mateus, a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) de São Mateus, com o apoio crucial da Divisão de Inteligência da Polícia Penal (DIPP).

O desfecho dessa operação começou quando a equipe da DIPP recebeu informações sobre o possível paradeiro de Charle na zona rural de São Mateus. Após diligências, confirmaram a presença do fugitivo em um posto de combustível às margens da rodovia BR-101, no bairro Boa Vista, em São Mateus.

Com o apoio dos policiais civis locais, aconteceu a abordagem e durante a revista pessoal, foram encontrados itens que indicavam possíveis atividades ilícitas, como dinheiro em espécie, cartões de crédito em nomes diversos, documentos comprometedores e um aparelho celular.

Charle tem acusações como: homicídio, roubo a banco, extorsão mediante sequestro, tráfico de drogas e associação para o tráfico são alguns dos crimes que pesam sobre ele. Além disso, havia um mandado de prisão com uma pena a cumprir de 30 anos e 8 meses de reclusão.

As investigações também apontam que Charle teria ligações com o Primeiro Comando da Capital (PCC), uma facção criminosa atuante no Espírito Santo, e já teria sido custodiado na Penitenciária Federal de Mossoró/RN por dois anos.

No entanto, a prisão de Charle não foi o único acontecimento durante a operação. Um indivíduo de 30 anos, que estava no posto de combustível e começou a hostilizar os policiais, foi detido por desacato após se recusar a obedecer às ordens da equipe.

Ambos foram conduzidos à Delegacia Regional de São Mateus, onde Charle teve os mandados de prisão cumpridos e o outro indivíduo foi autuado em flagrante por desacato. Agora, ambos enfrentarão a justiça no sistema prisional, representando uma vitória significativa para as forças de segurança do Espírito Santo na luta contra o crime.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade