Publicidade

Jovem influenciadora digital morre em acidente trágico em Alegre

Lídia Amélia de Almeida Silva era também blogueira e muitos de seus seguidores nas redes sociais postaram mensagens lamentando a tragédia

A modelo e influenciadora digital Lídia Amélia de Almeida Silva, de 21 anos, morreu em um acidente registrado no início da manhã desta segunda-feira (12) na BR-482, na zona rural de Alegre, sentido Muniz Freire, região Sul do Estado.

A tragédia aconteceu em um local conhecido como “Placa”, no trevo de acesso à ES-181. Ela estava de moto.

Lidia Amélia se apresentava nas redes sociais como blogueira, modelo, vendedora e promotora de uma marca de produtos de beleza. Ela morava em Guaçuí e tinha mais de 16 mil seguidores no Instagram, onde compartilhava sobre saúde e beleza.

Após a informações da tragédia, vários seguidores postaram mensagens lamentando a morte da jovem. “Meu Deus!!!! Tão linda… cheia de vida. Que tragédia! Que Deus console o coração dos familiares”, declarou um seguidor.

“Uma menina cheia de sonhos, batalhadora, sempre em busca dos seus objetivos. Que Deus te receba de braços abertos, que Deus possa confortar seus familiares e amigos”, disse uma outra seguidora.

Modelo postou vídeo de moto antes do acidente

Horas antes do acidente, Lídia Amélia postou um vídeo nos stories do Instagram pilotando a moto. Na rede social, ao longo dos últimos meses, ela também aparece com o veículo em várias fotos e vídeos postados.

A jovem sempre usava capacete quando estava na moto, uma CB 250 Twister. De acordo com o 3º Batalhão da Polícia Militar, Lídia Amélia não tinha carteira de habilitação.

Lídia Amélia na moto em que pilotava

Vítimas chegaram a ser socorridas

Segundo informações da Polícia Militar, quando os militares chegaram ao trecho da rodovia, foram informados que as vítimas já haviam sido socorridas.

Uma das vítimas, uma mulher ainda sem identificação, foi levada para o hospital da cidade de Jerônimo Monteiro. No local, a equipe médica disse que a vítima não tinha condições de responder nada sobre o acidente devido ao estado grave.

Lidia Amélia trabalhava também como modelo

Em seguida, os policiais foram até o Pronto-Socorro de Alegre, para onde foi levada Lídia Amélia. No local, a informação foi a de que ela não resistiu aos ferimentos e morreu.

A PM disse que o acidente envolveu uma motocicleta de modelo CB250 Twister, mas não havia informações sobre como a tragédia havia acontecido. O veículo foi removido.

Fonte: Folha Vitória

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *