Família produz mudas frutíferas e nativas auxiliando o Horto municipal de Itapemirim/ES

A reutilização e reciclagem das embalagens plásticas do leite distribuído nas escolas municipais pelo programa “Leite é Vida”, implantado no ano de 2018 pelo prefeito Dr. Thiago, em Itapemirim, tem sido destaque nestes últimos anos e vem conquistando a simpatia de pais de alunos, que mesmo em época de pandemia continuam recebendo o leite para reforçar a alimentação das crianças neste período.

Um destes pais, do Distrito de Itaipava, com orientação de técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente também se engajou neste projeto, e faz suas próprias mudas em sua residência, com a ajuda de seus próprios filhos, visando diminuir a tensão e ociosidade provocada pelo isolamento domiciliar em que vivemos. Depois de produzir as mudas, o pai aciona a Secretaria de Meio Ambiente que vai local recolher.

Segundo o Secretário de Meio Ambiente, Jean Paes da Rosa, as embalagens do programa “Leite é Vida”, continuam sendo recolhidas diariamente e encaminhadas à Associação de Materiais Recicláveis do município, onde são utilizadas na produção de mudas frutíferas e nativas no Horto municipal. Uma vez que essas árvores vão ser utilizadas em recuperação de áreas degradadas e arborização de ruas e áreas públicas. “Nós temos a possibilidade de desenvolver essa sensibilidade na população através deste programa, os sacos plásticos retornam e ganham outra destinação, que motiva o plantio de mudas e contribui para maior arborização da cidade”, explica o Secretário.

Conheça o Programa “Leite é Vida”

O programa “Leite é Vida” é pioneiro no país, e foi criado para distribuição diária de 01 (um) litro de leite – tipo pasteurizado – integral, enriquecido com Ferro Quelado e Vitaminas “A” e “D”, para cada criança regularmente matriculada na rede municipal de ensino na faixa etária de 06 meses a 07 anos de idade. O leite “Cru” é adquirido dos pequenos produtores leiteiros do município de Itapemirim, que foram previamente cadastrados conforme critérios estabelecidos pela Administração Pública Municipal.

Os pais das crianças matriculadas levaram os alunos nas Unidades de Saúde para fazer acompanhamento nutricional, onde receberam uma Carteira de Acompanhamento Nutricional (CAN). O projeto é uma forma de combater a desnutrição alimentar da população infantil que frequenta a Rede Municipal de Ensino nas Creches, Educação Infantil, Educação Especial e Ensino Fundamental na faixa etária estabelecida. Todas as escolas da rede pública de Itapemirim são contempladas.

O objetivo deste programa também é combater a evasão escolar, além de beneficiar pequenos produtores rurais de Itapemirim. A fórmula do leite que vem sendo distribuído tem um concentrado importado, fruto de diversos estudos feitos no Canada e Dinamarca, ou seja, em países de primeiro mundo, o que suplementa significativamente a nutrição das crianças cadastradas. As crianças beneficiadas são encaminhadas trimensalmente para avaliação nutricional sempre para a mesma Unidade Básica de Saúde.

A devolução da embalagem do leite está sendo feita no mesmo local de sua distribuição. Pois o programa é de cunho sustentável, e suas embalagens são 100% recicláveis, o programa “Leite é Vida” é regulamentado, controlado, fiscalizado e executado pela Secretaria Municipal de Integridade Governamental e Transparência, em seu Departamento específico, com apoio das Secretarias Municipais de Educação – SEME, Saúde – SEMUS, Agricultura e Desenvolvimento Rural – SEMADER, Secretaria Municipal de Meio Ambiente – SEMMA e Assistência Social e Cidadania – SEMASCI.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*