Publicidade

Curso Livre de Arte para pessoas de todas as idades movimenta o Clube dos Oficiais

Com 17 anos de atuação na área, artista plástica Elza Filgueiras vai ensinar técnicas de desenho artístico acadêmico, contemporâneo e mangás

Aprender a desenhar ou reciclar as noções artísticas como forma de aprendizado, entretenimento e de autoconhecimento para pessoas de todas as idades: essa é a proposta da artista plástica Elza Filgueiras ao oferecer o Curso Livre de Arte, no Clube dos Oficiais do Espírito Santo, por meio de uma parceria com a instituição. Com 17 anos de atuação na área, a artista vai ensinar aos alunos técnicas da arte do Ocidente (arte acadêmica e contemporânea) e do Oriente (mangás japoneses), incluindo a prática de retratos, mangás, paisagens, cenas urbanas, perspectivas e histórias em quadrinhos, entre outras vertentes.

As aulas serão aos sábados, com início no dia 20 de fevereiro, em quatro turmas de 10 vagas, sendo 50% destinadas aos associados do Clube dos Oficiais e o restante ao público em geral. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo e-mail cursolivredearte@gmail.com e pelo WhatsApp (27) 99642-8390. Em consonância com os protocolos de prevenção à Covid-19, o uso de máscaras será obrigatório e a organização do curso vai disponibilizar álcool em gel para todos os alunos, respeitando o distanciamento social.

A Artista

Mestre em História e Crítica de Arte pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e especialista em desenvolvimento humano e social, Elza Filgueiras iniciou a aplicação do Curso Livre de Arte em 2003, no Espaço de Arte Celga, na Praia do Canto. Após essa experiência, desenvolveu o curso em Jacaraípe, em loja própria; nas papelarias A Marquezinha e Rainha, em Vila Velha; na Pedra da Cebola e também na sua residência.

A artista possui artigos acadêmicos publicados em diversas instituições, bem como trabalhos de ilustrações, com o nome artístico Zael. Paralelamente, realizou trabalhos artísticos e culturais em comunidades atendidas por Organizações da Sociedade Civil (OSCs).

A professora observa que o desenho artístico “manual” é essencial para outras práticas, como escultura, pintura figurativa, arte digital, animação e arquitetura: “É base, ou fundamento, para diversos conhecimentos, além de se constituir como forma de arteterapia para pessoas de todas as faixas etárias, incluindo aquelas com dificuldades motoras ou mentais, por meio de uma atividade na qual não vemos o tempo passar”.

 Para o Major Bolzan, por meio dessa parceria o Clube dos Oficiais do Espírito Santo amplia a sua oferta de serviços para a sociedade. “É nosso interesse fomentar e incentivar esse tipo de atividade, não somente para nossos associados, como também para a sociedade em geral, de forma a desenvolver a sensibilidade das pessoas e a cultura de paz. As atividades culturais são bem-vindas e a intenção é que essa parceria seja duradora”, comenta.

  • Saiba mais:

Curso Livre de Arte com a artista plástica Elza Filgueiras

Início: 20 de fevereiro, com aulas semanais, aos sábados, para quatro turmas

Local: Clube dos Oficiais do Espírito Santo (Assomes) – Av. Dante Michelini, 1.275 , Jardim da Penha, Vitória

Horários: 9h às 11h; 11h às 13h; 14h às 16h e 16h às 18h

Preço: R$ 150 por mensalidade (50% das vagas de cada turma serão destinadas, sem custo de mensalidade, aos associados da Assomes)

  • Inscrições e mais informações:

E-mail: cursolivredearte@gmail.com.

WhatsApp: (27) 99642-8390

Galeria Virtual: www.artezael.com.br

Facebook/YouTube/Instagram: Curso Livre de Arte

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *