CURSO: Governo realiza solenidade de formatura de Aperfeiçoamento de Oficiais da PMES

Na tarde desta quinta-feira (16), o Governo do Estado, por meio da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES), realizou a solenidade de formatura dos 43 capitães que concluíram o Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais (CAO) –  Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Gestão Policial Militar e Segurança Pública. A cerimônia aconteceu no Salão São Tiago, no Palácio Anchieta, em Vitória, com a presença de autoridades civis e militares, além de familiares dos formandos.

O CAO proporcionou aos Oficiais uma requalificação profissional aprimorando o aprendizado em várias áreas do conhecimento, como a social, jurídica e gestão, além de proporcionar as competências necessárias para o exercício das funções de oficial superior no âmbito estratégico da Polícia Militar. A partir da solenidade de formatura, os capitães retornarão às suas unidades de origem e colocarão em prática o saber internalizado e debatido ao longo da jornada acadêmica.

“Nessa terça-feira [14], iniciamos o estágio dos novos oficiais da área de Saúde da Polícia Militar e hoje estamos realizando a formatura dos capitães do CAO. Na próxima segunda-feira [20], terá início a formação de 1.057 novos soldados da PM. São notícias importantes dentro da reestruturação da Corporação que estamos realizando desde o início do governo. São ações fundamentais, como investimentos em infraestrutura, valorização salarial e a recomposição do efetivo. Um trabalho que tem alcançado bons resultados, como a queda nos índices de homicídios e de quase todos os crimes contra o patrimônio”, afirmou o governador.

Casagrande destacou que o Estado está investindo R$ 3 bilhões, sendo boa parte dos recursos destinados às forças de segurança. “São investimentos para dar mais qualidade na prestação do serviço e conferir mais acolhimento ao cidadão. Temos um Estado organizado que nos garante pagamento em dia e a recomposição de perdas. Sou grato às forças de segurança pelo trabalho que tem sido realizado”, pontuou.

O Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais teve duração de oito meses e foram ministradas cerca de 20 disciplinas, entre elas, Teoria Política e Gerenciamento de Crises Policiais, ciclos de Palestras, atividades complementares e, como requisito para a conclusão do curso, um trabalho monográfico. Sendo assim, os oficiais cumpriram uma carga horária de 491 horas/aula ministradas na Academia de Polícia Militar do Espírito Santo (APM), além de um seminário realizado no auditório do Quartel do Comando Geral que contou com a participação dos Alunos do 3º ano e 2º ano do Curso de Formação de Oficiais.

Com a conclusão do curso, os 43 capitães do quadro de oficiais combatentes da Polícia Militar, terão cumprido o requisito formal que os torna qualificados para serem promovidos ao Posto de Major e assumirem funções de oficial superior.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade