Combate ao abuso de crianças e adolescentes é foco de ações em Cachoeiro

Equipes do Creas estão realizando palestras sobre o tema em escolas

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes) de Cachoeiro está promovendo ações de conscientização alusivas ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (18 de maio).

As atividades começaram nesta segunda-feira (13) e seguirão nesta terça (14), com equipes do Centro de Referência Especializado em Atenção Social de Cachoeiro de Itapemirim (Creas), compostas por psicólogos e assistentes sociais, realizando palestras relativas à temática, em seis instituições de ensino da rede municipal.

Aos alunos das escolas “Julieta Deps Tallon”, “Maria Stael de Medeiros Teixeira”, “Monteiro Lobato”, “Anísio Ramos”, “Anacleto Ramos” e “Galdino Theodoro da Fonseca”, os profissionais repassam informações relacionadas à prevenção de qualquer forma de violência infantil. As palestras estão acontecendo nos turnos matutino e vespertino, das unidades.

Já as crianças e adolescentes frequentadores dos cinco Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Cachoeiro, dos bairros Jardim Itapemirim, Alto União, Village da Luz, Zumbi e do distrito de Burarama, participarão de uma gincana interativa, com teatro, apresentações musicais e danças.

Essa programação está prevista para acontecer no dia 22, em dois horários, às 8h30 e às 14h. O objetivo é promover, através de uma abordagem lúdica e participativa, a conscientização sobre a temática.

As ações fazem parte da campanha de mobilização nacional “Faça bonito: proteja nossas crianças e adolescentes”.

Capacitação

No último dia 16 de abril, servidores de diversas áreas do município participaram da capacitação para avaliação e atendimento dos casos de violência sexual contra crianças e adolescentes, organizada pelo Creas, que aconteceu no auditório da escola Zilma Coelho Pinto.

Profissionais da saúde, professores da rede de ensino municipal, associações de moradores e representantes de projetos que atendem crianças e adolescentes foram incentivados a serem multiplicadores de informações que ajudem a combater a exploração infantil.

“Nosso objetivo é promover sensibilização e articulação, buscando atingir o maior número de pessoas, para que, juntos, reforcemos as ações de proteção da criança e do adolescente”, esclarece a secretária de Desenvolvimento Social do município, Márcia Bezerra.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*