Acusado de estuprar menina de 4 anos é preso em Piúma

Publicado em às 17:25.
Por Luciana Maximo

No bairro onde mora o acusado, muitas pessoas comentam que ele molesta crianças, as atrai com computadores e jogos, balas e biscoito. Ele foi preso em flagrante e encaminhado ao presídio de Xuri

O suspeito do crime foi ouvido na Delegacia da Polícia Civil de Piúma, onde ele negou tudo.

O pensionista M.B.V, 69 anos, residente no bairro Nova Esperança, em Piúma foi preso na manhã desta terça-feira, 14, em casa, acusado de estupro de vulnerável, uma menina de 4 anos.

De acordo com o depoimento da mãe da criança, ela acionou a Polícia Militar – PM, após chegar à casa do acusado e pegá-lo no flagrante com a filha no colo e a mão dentro da calcinha da menina. Desesperada com a cena, ela começou a xingar o homem e acusa-lo de estupro.

A Reportagem foi à delegacia e ouviu a PC que disse que a menina não sabia contar direito o que havia ocorrido, mas a mãe afirma que o homem a estuprou.

O homem foi preso em flagrante acusado de crimes sexuais e encaminhado ao presídio de Xuri para onde são levados os suspeitos de crimes sexuais no ES.

A mãe da criança contou à polícia que M atrai menores para a casa dele com computadores que ele coloca jogos e os seduzem oferecendo balas e biscoitos. Hoje, pela manhã, o filho de oito anos teria levado a menina de 4 a casa de M e lá o pensionista teria abusado do bebê. As crianças estavam demorando a voltar para casa e ela resolveu ir até lá, entrou sem fazer barulho e viu quando o homem estava com a filha no colo e a mão na vagina da criança.

A menina estuda a tarde e pela manhã brinca na rua, quando a mãe de da conta as crianças já estão na casa do acusado. Recentemente, segundo a mãe da menina, a filha estava com um sangramento na vagina e reclamando de dor, ela chegou a achar que era assadura, não imaginou coisa pior.

A Reportagem foi ao bairro ouvir a vizinhança sobre o suspeito. S comentários por lá é que M gosta atrai as crianças que ficam nas ruas com jogos, balas e doces.

 

O homem foi preso em casa, onde ele mantinha alguns computadores com internet e colocava jogos para atrair as crianças, segundo a mãe da criança de 4 anos

Um vizinho que pediu anonimato disse que M já teve uma lan house na rua, mas fechou e mantinha em casa alguns computadores velhos, ele os utiliza para fazer alguns serviços que contribuem para o sustento, mas também usa para atrair as crianças. Este vizinho que não quer aparecer salientou ainda que já alertou o pensionista para o perigo de uma acusação de pedofilia, uma vez o suspeito já tem contra ele uma reclamação na delegacia de Piúma.

O vizinho disse que M nega qualquer acusação, frisou que tudo não passa de calúnias contra ele. Comentou ainda que M já o perguntou se ele sabia o que significa pedofilia e que pedófilo é quem gosta de crianças e o acusado gosta, mas não com maldades.

Disse o vizinho do suspeito de estupro que a mãe da criança deixa os filhos na rua sem ter preocupação com as crianças, ‘que não é boa bisca”, entretanto, não pode acusar M de nenhum crime, só após o exame é que pode ou não ficar constatado a prática de estupro e se houve, tem de pagar pelo que cometeu.

Na página do acusado no Facebook vários vídeos com crianças em cenas inocentes.

 

 

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*