Publicidade

Vai começar a Circulação de Teatro do Grupo Rerigtiba

Nesse mês de novembro o Grupo de Teatro Rerigtiba vai realizar um projeto de circulação com 5 apresentações de teatro, leitura comentada pelas atrizes do espetáculo e atividades lúdicas para garotada.

Montagem

“O Rei de Quase Tudo”, livremente inspirado no livro de Eliardo França, é a 26ª montagem do Grupo Rerigtiba; estreou em 2018 e desde então é um dos espetáculos mais encenados pela companhia, tendo recebido os prêmios de melhor texto teatral, melhor figurino e melhor cenografia no 20º Festival Nacional de Teatro de Guaçuí.

Temática

Na peça teatral dois artistas saltimbancos trazem à cena a história do ambicioso rei que deseja para si uma infinidade de coisas: flores, pássaros, objetos materiais e até o sol e a lua, numa busca incessante pelo que está ao seu redor.

A história do rei que queria ter tudo permite uma reflexão sobre temas extremamente atuais como ambição, poder, consumismo, generosidade e felicidade. E ao refletir sobre esses temas, o espetáculo incentiva a cooperação e a capacidade de compartilhar, tanto bens materiais como sentimentos e amizade.

Sobre as apresentações na modalidade virtual

A Circulação originalmente estava prevista para acontecer presencialmente percorrendo cinco municípios capixabas, mas devido a Pandemia do Covid-19, foi necessário migrar para plataforma digital, possibilitando acesso a todos os públicos sem limitação.

Vencendo desafios e mergulhando no universo virtual, o Grupo Rerigtiba se reinventou e descobriu uma nova linguagem que está possibilitando que o espetáculo chegue a mais pessoas e a muito mais lugares pelo mundo a fora.

Espetáculo

Baseado no formato mambembe medieval, dois artistas saltimbancos se deslocam de uma praça à outra contando e encenando histórias para todas as idades.

O espetáculo é sobre um Rei que queria ter tudo que existe no mundo, mas por mais que tivesse bens, terras e até a lua, continuava sendo o Rei de Quase Tudo, porque há certas coisas que jamais poderão pertencer a uma pessoa, mesmo sendo um Rei.

Uma comédia ágil e divertida, com números de mágica, palhaçaria e dialoga com questões ambientais de preservação, hábitos de consumo e reciclagem.

A ficha técnica conta com direção Edson Nascimento, roteiro teatral de Sara Lyra, produção executiva de Telma Amaral, sonoplastia de Danilo Curtiss, coreografia de Cleverson Guerrera, confecção de máscaras do ateliê das máscaras by Telma Amaral, customização da Bike feita por Mimo Vasco, musicalização de Maria Barros e no elenco as atrizes Sara Lyra e Welida Pontes.

As apresentações vão acontecer nos finais de semana dos dias 13, 14,  20, 21 e 27 de novembro sempre as 17 horas pelo site do grupo www.grupodeteatrorerigtiba.com.br com chat ao vivo pelo canal do grupo Rerigtiba no youtube.

Também será exibido uma leitura do livro que inspirou a criação do espetáculo nos dias 14, 15, 21, 22 e 28 novembro as 10 horas no canal do Grupo de Teatro Rerigtiba no Youtube. A atividade de leitura comentada do livro “O Rei de Quase Tudo” tem a participação das atrizes que integram o elenco do espetáculo. Durante a leitura será disponibilizado link para baixar atividades lúdicas sobre o espetáculo.

O projeto de circulação “O Rei de Quase Tudo” foi contemplado no edital setorial de teatro/2019 com recursos do Funcultura/Secult-ES.

Sobre o Grupo – Com 28 anos em atividade continua, o Grupo de Teatro Rerigtiba é um dos mais longevos e atuantes grupos de Teatro do Espírito Santo. A companhia formada por artistas profissionais, tem sede na cidade de Anchieta e se dedica à pesquisa da linguagem teatral nas suas diversas formas de expressão estética através de intercâmbio e criação colaborativas.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade