Publicidade

Seminário que traz a arte e a dança como instrumento social e de conhecimento, ocorre no ES através da Lei ALDIR Blanc

Neste mês, está sendo realizado no estado do ES, o Seminário Corpo e Conhecimento, que  aborda os valores da arte em especial da dança, para  o aprendizado nas redes públicas de ensino ampliando  o seu valor social. Ao todo estão sendo realizados  três encontros  através  da plataforma Zoom,  gratuitamente,  durante o mês de maio dirigido especialmente  para a rede municipal de ensino. 

Cada encontro conta com a participação de 900 pessoas entre, professores, diretores, supervisores e  alunos de escolas públicas do estado. 

A dança sempre foi considerada uma das manifestações históricas e culturais mais antigas e importantes da nossa história, sendo herdada de diversos povos. Mesmo com a regulamentação da obrigatoriedade da disciplina de artes nas escolas, esta nunca foi muito presente, com algumas atividades ligadas somente  às aulas de Educação Física . 

Este projeto, que visa reverter isso, é realizado pelo Núcleo de Arte e Dança dirigido por Patrícia Lima e  Núcleo de Estudos e Práticas Artístico Corporais, o Neparc, ligado ao curso de Dança da Universidade Federal de Viçosa (UFV) e dirigido pela Professora Andrea Bergallo, que possuem grande experiência nestas  questões, e que atuam a  longo tempo na cidade  de Viçosa e no estado de MG. 

O Seminário é uma realização da Diretora do Studium de Danças Korpus, Viviane Lima, em parceria com o Núcleo Arte & Dança,  Neparc e apoio cultural da empresa Pomar Cultural, sendo apresentado pela Secretaria Estadual de Cultura do Espirito Santo (Secult) por meio  do Fundo Estadual de Cultura, com recursos da Lei Federal N°14.017/2020. 

Para quem tiver interesse em participar dos seminários, basta se cadastrar no link: 

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdkPSOaZwROKh2UZUzgMS8udiVnPj3GrqRfKtawH_YEBqtFkA/viewform?usp=sf_link

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *