Seguidor, faça um PIX de R$1.00 e nos ajude a fazer os exames do Emanoel Campos, ele só tem um rim, dilatado

Emanuel consultou agora precisa de exames caros e as mães continuam desempregadas. A Prefeitura de Marataízes já tem conhecimento deste caso e já protocolizou os pedidos de exames, mas estes precisam ser realizados o quanto antes

Lembra leitor do pequeno Emanoel Campos que reside na Barra, em Marataízes, o filho de Thatielle Campos e Camila Lopes Carreiro? Então, muitos de vocês abraçaram a campanha que o jornal fez e ajudou a custear as despesas para a consulta dele no dia 06 de maio, em Vitória. A consulta ocorreu após três anos de espera, quando o jornal entrou no caso e pediu à Secretaria de Estado da Saúde uma atenção ao menino que tem apenas um rim, e este está dilatado.
Agora, o Jornal vem fazer uma prestação de contas de tudo e, mais uma vez, pedir à Secretaria de Estado da Saúde e a Municipal de Marataízes que priorizem os exames do Emanoel, pois precisa retornar à consulta no próximo dia 08 de junho. As mães, sem trabalho, não têm como custear os exames, nem pagar as passagens para voltar à capital, nem pagar uma diária em um hotel por mais barato que seja e, muito menos fazer um lanche.
Thatielle e Camila estão aflitas, pois estão desempregadas e precisam retornar com o Emanoel a Vitória, na consulta com o nefropediatra. Além de levá-lo, elas precisam dos exames que são caros, como por exemplo, as cintilografias renais DMSA e DPSA e a Uretrocistografia.


Thatielle contou ao jornal que já deu entrada nos exames na unidade de saúde do seu bairro, em Marataízes, porém, a data do retorno da consulta já está agendada e os exames ainda não foram feitos. Ela teme perder a consulta se o exame não sair.
A luta pela cura do Emanoel não é a de agora. Para Camila e Tathiele, quanto mais demora, mais o menino sofre e elas choram juntas. Não tem para onde correr, estão sem trabalho, em casa falta o básico para elas, que vivem de pequenos bicos, quando surgem.


Para conseguir dinheiro para as despesas no entorno da consulta realizada no dia 05 de maio, elas fizeram uma rifa e, tudo que sortearam foram brindes de comerciantes e empresários que se sensibilizaram.
“O sorteio aconteceu ao vivo, no Instagram, no dia 17/05, onde saíram os nomes dos participantes. Entramos em contato com os ganhadores, alguns deles, devido à distância, doaram prêmios para o Emanuel. Queremos agradecer imensamente a colaboração de todos que adquiriram a RIFA para ajudar o Emanuel e de todos que doaram os prêmios. Sem a colaboração de cada um de vocês não teríamos dado início à primeira etapa das consultas e exames do Emanuel. O Emanuel teve a primeira consulta realizada com SUCESSO no dia 06/05, onde foi muito bem atendido. Nós deixamos nossos sinceros agradecimentos ao Jornal, a Luciana, toda sua equipe e seus colaboradores que nos ajudaram para que essa consulta pudesse ser realizada, depois de 3 anos na fila de espera do SUS.
A partir da consulta surgiram exames, que já foram dados entrada pelo SUS e estamos aguardando retorno, pois os exames são para levar na próxima consulta onde será avaliado uma possível cirurgia pelo motivo do aumento da dilatação”, relatou Camila.


Todo o tratamento do Emanuel é feito em Vitória, com a ajuda de uma corrente do bem. “Na consulta que o Emanuel teve tivemos a ajuda para alimentação, transporte e lugar para ficar. No momento estamos desempregadas, fazendo alguns free lance, passando por momentos difíceis. O meu pedido é para que, se alguémsentir no coração o desejo, a vontade de ajudar contribuindo com qualquer valor, ou de qualquer forma para irmos no dia 08/06 para Vitória para pagarmos transporte, alimentação e novamente um local para ficar, já somos agradecidis. Mediante a esta consulta no dia 09/06 teremos a resposta se será necessária a cirurgia ou não, por isso é importante a continuidade dessa etapa”, explicou.
A consulta é dia 09/06, mas para que vocês leitores possam entender melhor, além do Emanuel ter um rim com dilatação, ele foi diagnosticado há duas semanas, confirmado com autismo no grau moderado, “então precisamos ir um dia antes para evitar crises e tentar no máximo que pudermos deixar ele confortável. Agradecemos a todos vocês leitores e deixo aqui meu contato e meu PIX caso você possa nos ajudar”, detalhou Camila.
Estes são os telefones de Camila e Thatiele 2899993-6090 / 28-99983-1546 não importa de que forma você pode ajudar as mães do Emanoel com a consulta no dia 09 de junho. Se puder ajudar com uma cesta de frutas, verduras, alimentos – Pix 128.770.657-66.
O jornal tem quase 20 mil seguidores no instagram e mais de 70 mil no facebook, e nós fazemos um apelo. Faça um PIX de apenas 1.00, se somente 10% de vocês e nós doarmos, teremos um tratamento muito digno ao Emanoel e ainda poderemos ajudar outras pessoas que esperam o nosso abraço.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade