Prefeitura de Marataízes/ES desmente e repudia fake news sobre Ata de Registro de Preços

NOTA – Chegam a ser comoventes as tentativas infrutífera da oposição para tentar reduzir o imenso apoio popular que tem a atual administração municipal.

Chegam a ser comoventes as tentativas infrutífera da oposição para tentar reduzir o imenso apoio popular que tem a atual administração municipal.

Desta vez, mais uma fake news absurdo contra a Prefeitura de Marataízes. Utilizaram uma Ata de Registro Preços de fevereiro de 2020 para fazer a população acreditar que seria uma licitação realizada em plena pandemia da Covid-19. A Ata realmente foi REPUBLICADA no Diário Oficial desta segunda-feira, 18 de maio, uma vez que de acordo com a LEGISLAÇÃO VIGENTE a republicação de tais atas é OBRIGATÓRIA de três em três meses durante a vigência de 12 meses dela.

Além disso, informar o total de recursos financeiros na Ata de Registro de Preços não significa que todo o valor nela informado foi gasto.

Portanto, voltamos a pedir à população para que não acredite em notícias falsas postadas em redes sociais por perfis duvidosos. E ao autores das fake news lembramos que tal prática é tipificada como crime e pode dar cadeia e multa.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*