PIÚMA: um ciclo se rompe, Paulo Cola derrota o veterano Samuel e Martha fica para trás

Paulo Cola e Pastor Ezequias seu vice-prefeito

Paulo com uma tacada só deu adeus a Ricardo Costa, Samuel Zuqui, Martha Scherres e venceu as eleições em Piúma dando um importante passo a renovação

Paulo Cola, a esposa Pantila e os filhos

O município de Piúma elegeu domingo, 15, o tenente da Polícia Militar Paulo Cola, Cidadania e Pastor Ezequias para prefeito e vice da cidade. Uma vitória que levou uma multidão à Avenida Isaias Scherrer, no centro da cidade gritando em um só coro: é 23!

A pouca diferença de votos, 25, entre Paulo Cola e Samuel Zuqui – PSDB significa que foi pau a pau os dois até a última sessão ser apurada. Tecnicamente deu empate, 32,70 % X 32,50%, ou seja, Paulo conquistou 4.161 votos e o veterano Samuel Zuqui 4.136 votos, mas com a certeza de que, o novo venceu o velho – Deu Cola.

A prefeita atual, a vice do professor Ricardo, Martha Scherrer, Patriota, ficou em terceiro lugar carregando o amargo da derrota com a máquina nas mãos. Carimbou 32,50% dos votos somando no final 3.250 votos.

A vitória de Paulo Cola, indubitavelmente rompe um ciclo e deixa fora do cenário político Valtinho Potratz que preferiu o silêncio que manifestar apoio ao candidato do PSB, Moacir Lima, que ficou em 4º lugar com 7,28%, somando 927 votos.

Deixou para trás o prefeito afastado, Ricardo Costa – PDT, que através de ligações no WhatsApp e encontros escondidos apoiou Samuel e incentivou seus fiéis apoiadores a vestir amarelo pelas ruas e hastearem a bandeira de Samuel, seu rival das eleições de 2016.

Os apoiadores foram para rua comemorar

Na última posição ficou o publicitário Juninho Taylor – PSL com 1,97% dos votos, somando 251.

De casa em casa

O prefeito eleito fez um belíssimo discurso sobre mudança e a serenidade da linguagem convenceu os 4.161 eleitores piumenses já cansados da alternância de poder entre as mesmas famílias: Scherrer, Zuqui, Pereira e Potratz. “Chega um momento de nossas vidas que a mudança é necessária, e causa medo, mas faz parte da vida, aliás, ela é inevitável.
A questão da mudança se resume na forma como ela se dará, se virá por suas mãos ou pelas mãos do outro, isso faz toda diferença.
Se você é o agente da mudança e a quer, ela sem dúvida será positiva, te apresentará o NOVO e trará boas oportunidades, pois ela foi fruto de suas ações.
Se você se amarra ao passado e entrega essa mudança nas mãos do outro, entrega também a ele o seu destino, isso geralmente tem um preço alto e amargo.
A mudança é importante, necessária e inevitável, é a oportunidade de corrigir erros, de tomar posse de seu próprio futuro, é a chance de construir uma vida melhor, mais digna.
Seja agente da mudança, participe da construção do seu futuro, pois chegou o tempo de mudar, de renovar, de uma Piúma melhor e essa escolha só depende você”.

Deu Cola em Piúma e Pastor Ezequias como vice. Durante a campanha pediram um voto de confiança. “O que Piúma mais precisa neste momento é confiança, de investidores, de empresários, do governo do Estado e principalmente da sua população”.

Com a reportagem Paulo foi enfático, disse que acabou domingo dia 15 as eleições, agora existe somente uma bandeira, a de Piúma. Não existem mais bandeiras. “Vamos trabalhar para devolver a dignidade ao povo de Piúma, para desenvolvermos a nossa cidade, para atrairmos oportunidades, para oferecer um futuro digno aos nossos filhos”.

Ainda durante a campanha Paulo e Ezequias afirmaram: “Nossa missão é deixar essa orla de Piúma, um cartão postal reformado e digno para cada um de nós. Juntos faremos uma nova história em nossa cidade de Piúma”.

O povo não colocou como quesito para escolher Paulo a seriedade dele e a patente da PM, o povo apostou todas as fichas na renovação. E Paulo Cola e Ezequias deram adeus a torcidas que a cada eleição gritava um soro, pau na cara ou tome lapada. Desta vez tomaram três lapadas de uma vez.   

A reportagem aguarda uma trégua nas comemorações da vitória de Paulo para ele fazer um pronunciamento no jornal a todos os moradores de Piúma sobre esta vitória suada domingo.

Nas redes sociais, só parabéns

Ronaldo Adriano da Matta – Parabéns, meu nobre! Torci muito por tua Vitória e ela veio! Graças a Deus! Agora, acredito, que Piúma vai respirar novos ares e será melhor que antes! Que Deus lhe abençoe e lhe dê muita sabedoria para executar um governo justo e honrado e, acima de tudo, honesto e transparente.

Marcão Santana comemorou a vitória de Paulo

Cristiano Bodart – Parabéns Paulo Cola pela vitória. Espero que honre suas promessas e faça de Piúma uma cidade melhor.
A população deposita sua confiança em você e sua futura equipe. Faça o melhor com os melhores. Rompa com a velha prática de usar a prefeitura como cabide de emprego de gente não qualificada para o cargo. Fiscalize cada obra e serviço prestado, como cabe ao executivo. Busque realizar uma gestão participativa, consultando a população e a sociedade civil organizada; valorize cada centavo dos cofres públicos; faça tudo com planejamento, consultado especialistas; priorize os mais pobres e os bairros mais carentes. Viva a democracia, viva o novo ciclo que creio que se inicia em Piúma”.

Marcão Santana – Hoje a nossa querida Piúma amanheceu mais leve, a Esperança venceu o Medo. Primeiramente agradecer a Deus e a cada soldado que trabalhou dia a dia nessa campanha, uma eleição que vai ficar para história de Piúma, uma renovação aguardada a anos. Parabéns nosso Prefeito Paulo Cola e Pastor Ezequias sabemos que o trabalho vai ser árduo para reconstrução da nossa Cidade mais tenho muita Fé e Confiança que montando uma boa equipe com pessoas competentes em cada setor podemos ter a Piúma dos nossos sonhos. Viva a Democracia.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*