Publicidade

Pintor recebe cadeira motorizada da Associação de Cavaleiros de Piúma, após Encontro das Comitivas

Associação dos Cavaleiros de Piúma realiza 1º Encontro de Comitivas e doa cadeira motorizada a um pintor que teve as duas pernas amputadas

Mais do que um gesto de solidariedade, uma corrente de amor ao próximo. A Associação de Cavaleiros de Piúma realizou um evento beneficente para ajudar um pintor que reside no bairro Piuminas e que teve as duas pernas amputadas.

Presidente da Associação e o vereador Elber
Associação dos Cavaleiros de Piúma

As bandas doaram os shows. A Foccus cedeu o espaço, os fazendeiros doaram as novilhas da rifa e do leilão, um empresário de Iconha ganhou uma rifa de uma bezerra e doou de volta, o fazendeiro de Itaperoroma doou a novilha do leilão e ele mesmo arrematou por R$2.000.00. Os parceiros da Festa Beneficente abraçaram a causa e todos se uniram no primeiro Encontro de Comitiva, domingo, 03, na Foccus, em prol do Valdeci José Zabini Coelho. Belíssimo gesto de amor.

Comitiva “N´ós Inverga mais não Quebra’

De acordo com o diretor de Eventos da Associação, Carlos Roberto Carvalho (o Betinho da Cavalgada), o pintor Valdecir, antes de sofrer a amputação das duas pernas por conta de uma trombose, trabalhou para diversas famílias de Piúma. Um homem honesto que, de repente, em menos de um ano, acabou tendo as pernas amputadas. Desde então a Associação vem dando todo apoio a ele, com a entrega de cestas básicas e rifas que vendem em prol a um viver melhor a esse amigo.

A cadeira motorizada foi comprada antes do evento, pois eles desejaram fazer a entrega logo após a realização da festa beneficente, que foi um sucesso.

A bezerra doada por um pecuarista teve um empresário de Iconha como ganhador e demonstrou um gesto ímpar quando doou de volta para a Associação angariar mais fundos para auxiliar a outras pessoas com necessidades.

O Encontro de Comitivas foi um sucesso, segundo Betinho, pois contou com parceiros que fizeram a festa acontecer. O local foi cedido pela Foccus, as bandas tocaram sem receber e a entrada cobrada foi para pagar a cadeira já comprada com antecedência.

“A Associação está ajudando o Valdeci desde o início da sua luta, já fizemos duas rifas. Estou muito feliz com a nossa Associação. Domingo foi lindo de ver, todos uniformizados, a festa foi muito bonita. Quero agradecer a todos os apoiadores. Obrigado ao empresário que ganhou a rifa da bezerra e doou de volta. Nós vamos fazer outras rifas para ajudar a outras pessoas. Lelém, fazendeiro de Itaperoroma doou uma novilha para fazermos um leilão, o lance maior foi de R$1.900.00 e ele arrematou por R$2.000.00 para que a novilha permanecesse em seu pasto. Ontem ele mandou o cheque para depositar na conta da nossa Associação. Estamos muitos gratos a todos e vamos fazer mais eventos e ajudar mais outras pessoas”, garantiu Betinho.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade