Permanecer de quarentena, ou contar mortos…

Jaqueline Taylor – correspondente do Espírito Santo Notícias em Roma traz o olhar sobre a realidade da Espanha desta quinta-feira

Enquanto a sociedade brasileira se divide ao meio sem conseguir entrar em acordo sobre a tão famosa quarentena, a Europa segue contando seus mortos e lutando dia após dia para se levantar e controlar esta situação que como bem sabemos está ferindo e preocupando o mundo inteiro.

Mas hoje nós queremos falar sobre a Espanha que conta hoje (26/03) 4.089 mortos já faltando leito e com a saúde praticamente de joelhos e aumentando sempre o número de contagiados.

Em uma reunião plenária do Parlamento Europeu e em nome do grupo do Partido Popular Europeu, a maior bancada parlamentar, o espanhol Esteban González Pons fez algumas críticas dirigidas aos chefes de Estado e Governo dos 27, que esta quinta-feira à tarde participaram num Conselho Europeu igualmente invulgar, por videoconferência. Por estes dias, disse “temos contemplado duas Europas diferentes: a do Conselho Europeu, que se reúne esta tarde, e a que todas as noites sai à varanda para aplaudir os médicos e as enfermeiras. Este Parlamento deve ser da Europa que apesar de estar confinada fala o mesmo idioma de varanda em varanda, e não dessa outra que apesar de ter tradutores, é incapaz de se entender”. Esteban cita ainda a triste realidade que a saúde enfrenta hoje: às pessoas morrem sozinhas sem terem um ente querido ou amigo por perto para poder dar uma palavra de conforto, discutindo o fato de contar hoje na Espanha 10.000 mil contagiados em um país que tem menos de 50 milhões de habitantes já teve mais mortes do que a China que conta 1,4 milhões de habitantes.

Na foto dois operadores da saúde que se abraçam do lado de fora do pronto socorro do Hospital Severo Ochoa em Leganes na Espanha. Foto #Reuters #SusanaVera. Roma, 27 de Março 2020 ( Taylor Jaqueline).

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*