Operação conjunta prende suspeitos de tráfico de droga e porte ilegal de arma de fogo em Itapemirim/ES

Na manhã de ontem, quarta-feira (30), policiais civis da 9ª Delegacia Regional de Itapemirim, em operação integrada com a 9ª Companhia da Polícia Militar (PMES) e o canil da Guarda Municipal de Marataízes, prenderam em flagrante dois jovens de 21 anos, suspeitos de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. As prisões ocorreram na localidade de Itaipava, em Itapemirim.

O delegado plantonista da 9ª Regional de Itapemirim, Edson Lopes, detalhou que com um dos suspeitos foram apreendidos uma porção de pasta base de cocaína, uma pistola calibre 380 e 34 munições de mesmo calibre, uma balança de precisão e cerca de R$ 500, em espécie. Já com o outro jovem, foram apreendidas uma pistola calibre 380 com numeração raspada e 17 munições.

“Essa operação tem como objetivo identificar integrantes de grupos criminosos rivais que atuam no tráfico de drogas e estão em guerra. As diligências e investigações continuarão para a prisão dos demais envolvidos e, consequentemente, a diminuição desses crimes na região”, afirmou Lopes.

Ainda de acordo com o delegado, os dois jovens presos já têm passagem pela Polícia. “Os dois foram detidos quando adolescentes, sendo um por envolvimento com o tráfico e outro foi internado por suspeita de ato infracional análogo ao crime de homicídio. Agora, os dois foram autuados em flagrante delito. Um responderá pelo crime de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo e o outro por porte ilegal de arma de fogo com numeração suprimida”, destacou.

Durante a operação, outros três homens de 20 a 25 anos foram conduzidos à Delegacia. “Eles são investigados em homicídio e, por isso, foram levados à Regional para prestarem esclarecimentos. Após serem ouvidos, eles foram liberados e o caso segue sendo investigado sob sigilo”, afirmou o delegado Lopes.

Os presos foram encaminhados ao Centro de Detenção Provisória de Marataízes (CDPM), onde permanecem à disposição da Justiça.

Texto: Fernanda Pontes

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*