ONLINE: 4 ª Semana Sem Petróleo

A dependência do petróleo se alastra como uma epidemia social. Como viver nesta sociedade sem usar produtos derivados de petróleo? É buscando responder a essa pergunta e apresentar alternativas, que acontece a “4ª Semana Sem Petróleo”, com atividades 100 % ON LINE, de 1º a 7 de Setembro de 2020, em diversas plataformas.

As inscrições para propostas de atividades de pessoas ou grupos, já estão abertas e devem ser realizadas até o dia 10 agosto, preenchendo o formulário no link:  https://forms.gle/eUGD1Tj5KdgNbXE47 .

Podem ser enviadas propostas para debates, oficinas, rodas de conversa, místicas, jogos, apresentações artísticas e culturais, atividades voltadas para as crianças e outras que abordem os impactos do uso abusivo do petróleo e seus derivados para a natureza e os seres humanos, e/ou que apontem e apresentem alternativas que possam substituir o uso destes elementos tóxicos.

Também é possível expor produtos IV Feira Livre de Petróleo ONLINE, que será realizada durante todo o evento buscando visibilizar produtos e tecnologias que substituem o uso de petróleo e derivados, sobretudo aqueles de ingredientes naturais e produção artesanal.

O fato de a humanidade estar vivendo um período de total exceção, devido á pandemia e tantas outras mazelas que assolam o planeta, a edição 2020 trará uma “Semana Sem Petróleo” atravessada pelas perspectivas antifascista, antirracista e que luta pela equidade de gênero.

As edições anteriores foram realizadas no ES, com atividades no Centro da capital Vitória, em municípios e comunidades da região do Caparaó, Itaipava, no litoral sul, entre outras. A “Semana Sem Petróleo” é organizada pela “Campanha “Nem Um Poço A Mais”,  com apoio de diversas entidades sociais.

SERVIÇO:

IV Semana Sem Petróleo- Evento ON LINE

1º a 7 de Setembro 2020

E-mail: [email protected]

Contato: Ivny Matos/ 27 997423181/ (whatsapp)

Redes sociais:

https://www.facebook.com/semanasempetroleo

https://www.instagram.com/campanhanemumpocoamais

Site: www.areaslivresdepetroleo.wordpress.com

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*