Itapemirim vive um clima de bang bang

A volta do prefeito de Itapemirim, Dr. Luciano de Paiva – PSB, no último dia 24, através de uma decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, provocou um clima de bang bang nas redes sociais e no WhatsApp de fofocas e boatos, alguns com baixarias, palavrões e piadas das mais diversas. Assim que o grupo de Luciano tomou conhecimento da decisão do STF, foi uma festa comemorada com muitos fogos. A chegada do prefeito de helicóptero, adiantou a saída às pressas de dentro da prefeitura dos funcionários que ficaram com medo da forma que seriam vistos pelo doutor e seus simpatizantes.

Como pessoas não gratas ao prefeito, secretários de Viviane Peçanha se adiantaram e pediram exoneração. Alguns chegaram a afirmar que não trabalhariam com bandido, se referindo à equipe de Luciano.

A festa da volta de Luciano nem havia acabado ainda e o prefeito dois dias depois foi notificado da decisão da juíza da 1ª Vara Cível do município, Valeska Mesquita Bassetti, na tarde desta quinta-feira (27), e foi novamente afastado. Mais uma vez, Viviane Peçanha assumiu à frente do município e exonerou os secretários de Luciano e alguns comissionados, os mesmos que se dirigiram à ela e sua equipe  com deboches e palavras de baixo calão. Viviane, permaneceu no cargo apenas dois dias, decretou ponto facultativo para os dois dias seguintes, 03 e 04. e novamente Luciano voltou com outra decisão do STF assumindo no dia 04 à frente do Executivo.

Para quem está no mar e passa dias pescando, não dá para saber quem está à frente da cidade e a situação acaba virando chacota. Por um lado correm os boatos de que Luciano poderá ser preso a qualquer momento. E por outro lado, Luciano acusa Viviane de ter perdido o comando da Prefeitura. Ele sorri ao falar que ama Itapemirim. O grupo de Luciano, no entanto, acusa a vice-prefeita de estar com fome de poder e não querer deixar o município. Há um jogo sujo de acusações e fofocas nas ruas.

O jornal publica nesta edição, uma entrevista com Luciano, a mesma que ele deu ao Século Diário, a mesma está editada. Traz ainda a versão de Viviane para as acusações e um relatório escrito por Yamato, onde o mesmo responde a Dr. Luciano em relação ao conteúdo do vídeo da entrevista à revista eletrônica. Uma edição quase toda para Itapemirim. Boa leitura!

Compartilhe nas redes sociais

Leia Também

Editorial 14 de novembro de 2019
EDITORIAL 9 de outubro de 2019
Editorial 13 de setembro de 2019
Editorial 12 de agosto de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*