Publicidade

Internos alunos que cursam a 3ª Etapa do EJA participam de concurso de literatura

Internos custodiados pela Secretaria da Justiça (Sejus) que cursam a 3ª Etapa do Ensino Médio da Educação de Jovens e Adultos (EJA), dentro das unidades prisionais do Estado, poderão inscrever textos inéditos de crônicas e poesias para o I Concurso Literário Sérgio Blank. A iniciativa é promovida pela Academia Espírito-Santense de Letras (AEL) e conta com a parceria da Secretaria da Educação (Sedu).

A Sejus estima que participem do concurso cerca de 300 internos alunos que cursam a 3ª Etapa do Ensino Médio dentro das unidades prisionais do Estado. Para a subsecretária de Ressocialização da SEJUS, Roberta Ferraz, a iniciativa é um incentivo à transformação do indivíduo.

“O projeto da AEL está sendo recebido de uma forma muito positiva pela Sejus, pois a proposta vai ao encontro do que a Subsecretaria de Ressocialização preza para o sistema prisional. A pessoa que está encarcerada precisa ser inserida na sociedade por meio de diversas frentes, que vão além da educação e trabalho. O concurso de redação fomenta talentos e incentiva a pessoa privada de liberdade a pensar de forma diferente por meio da leitura, da escrita e da produção literária. Isso promove a transformação do indivíduo, o estimula a refletir sobre a sua própria vida, e faz com que ele se reinvente”, destaca Roberta Ferraz.

A gerente da Educação de Jovens e Adultos da Sedu, Mariane Berger, observa que a realização do I Concurso Literário Sérgio Blank terá todo o apoio da Secretaria: “A Sedu incentiva todos os projetos de fomento à leitura e escrita nas Unidades Prisionais por entender que a leitura é condição para ampliação de conhecimentos e para o aprimoramento textual. Essa iniciativa da Academia Espírito-Santense de Letras dialoga com o projeto de Leitura ‘Entre Muros e Mundos’, que será desenvolvido em 2021 e que, portanto, terá o apoio das equipes pedagógicas da secretaria”.

O concurso

Podem participar autores estreantes ou com obra publicada. O concorrente deverá apresentar um texto inédito, escrito em língua portuguesa, de 7 a 30 linhas, com tamanho limitado a no máximo três páginas. Cada autor poderá enviar somente um texto de poesia ou crônica para o e-mail editalsergioblank@ael.org.br.

O candidato deverá colocar no corpo de seu texto o título, seu nome completo, o CPF, a unidade Prisional/Escola, o nome da(o) professora/professor, e uma declaração de que se for contemplado (a) autoriza a publicação de seu trabalho em revista ou site da AEL.

Os trabalhos apresentados serão avaliados por uma Comissão Julgadora composta por três Acadêmicos indicados pela Academia Espírito-Santense de Letras e por examinadores convidados pela AEL, de acordo com os seguintes critérios: Originalidade temática; Criatividade; e Adequação ao tema.

Entre as premiações, o primeiro lugar do concurso receberá um tablet, e os três primeiros colocados receberão um Certificado da AEL, bem como revista e obras, além de ter seus textos publicados no site da Academia Espírito-Santense de Letras. O troféu Sérgio Blank será ofertado à(ao) professora(o) e à unidade Prisional.

O resultado final do I Concurso Literário Sérgio Blank será divulgado no site www.ael.org.br a partir de 04 de setembro de 2021, data em que se comemora o centenário de fundação da Academia Espírito-santense de Letras. Para a presidente da AEL, Ester Abreu Vieira de Oliveira, a iniciativa está em consonância com o propósito humanista da instituição literária, além de promover uma justa homenagem ao poeta Sérgio Blank:

 “A AEL, hoje centenária, desde a sua fundação visou a dar visibilidade à cultura de nosso Estado e aos que para ela contribuíram, seja promovendo eventos, concursos, palestras, feiras literárias, lançamentos de obras de arte e literária, seja publicando e republicando livros e revistas impressas e agora online. Nesse aspecto não poderia deixar despercebida a produção literária e esquecido o trabalho desenvolvido por Sérgio Blank, fazendo-lhe uma justa homenagem e num setor pelo qual se empenhou em dar a sua contribuição humanística e humanitária.”

I Concurso Literário Sérgio Blank

Realização: Academia Espírito-Santense de Letras (AEL) e Governo do Estado do Espírito Santo, através da Secretaria de Estado da Justiça (SEJUS) e Secretaria de Estado da Educação (SEDU).

Inscrições: de 29 de março a 30 de junho de 2021.

Público-alvo: apenados e apenadas que cursam a 3ª Etapa do Ensino Médio na modalidade de ensino EJA (Educação de Jovens e Adultos) no sistema prisional capixaba.

Concorrentes: podem concorrer textos inéditos (um por autor), de tema livre, no gênero poesia ou crônica, escrito em língua portuguesa, de 7 a 30 linhas, com tamanho limitado a no máximo três páginas. Os textos devem ser encaminhados para o e-mail editalsergioblank@ael.org.br.

Regulamento e ficha de inscrição: www.ael.org.br

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *