Estado | Capes e Fapes vão oferecer 75 bolsas para Programas de Desenvolvimento da Pós-Graduação

A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes) assinou um acordo de cooperação com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e a fundação do Ministério da Educação (MEC), para a execução do Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) Parcerias Estratégicas nos Estados. 

O acordo oferece 75 bolsas de estudos para o Espírito Santo, sendo: 45 de mestrado; 20 de doutorado; e 10 de pós-doutorado, todas oferecidas pela Capes. As bolsas de estudo foram concedidas aos Programas de Pós-Graduação (PPGs) participantes da proposta feita pela Fapes à Capes, quando a Coordenação de Aperfeiçoamento do Governo Federal abriu o processo seletivo de apoio aos PPGs emergentes e em consolidação em áreas prioritárias nos estados, ainda em 2020. 

A diretora presidente da Fapes, Cristina Engel, ressaltou a importância do acordo para a área científica capixaba. “Esse Acordo possibilita o incremento das ações em algumas áreas específicas, através do investimento em recursos humanos que, afinal, é o principal ‘combustível’ para o avanço científico. Trata de um acréscimo de mais de 5 milhões, com a maior parte captada junto à Capes, observando-se ainda que o projeto foi construído com a contribuição dos programas de pós-graduação das áreas prioritárias, ou seja, a partir de uma construção coletiva do que efetivamente era necessário nas áreas de conhecimento”, afirmou. 

O Acordo de Cooperação Técnica nº 60/2021 é regido pelo Edital Capes nº 18/2020 – PDPG, e é válido por 48 meses, podendo ser prorrogado por mais um ano.  Para o custeio e a execução das atividades previstas no Plano de Desenvolvimento da Pós-Graduação das FAPs dos estados, o orçamento nacional é de R$ 121,9 milhões. Para o Espírito Santo caberá à Capes o aporte de recursos estimado em R$ 3.696.000,00 para o pagamento das bolsas e à Fapes o aporte estimado em RS 1.368.720,00 para o custeio dos projetos junto aos PPGs. 

A parceria promoverá o desenvolvimento científico, tecnológico e inovador em áreas consideradas prioritárias pelo Governo e serão fortalecidas a partir da formação de profissionais qualificados. O objetivo da Capes é distribuir as ações de formação de recursos humanos altamente qualificados, para desenvolver e fortalecer a pós-graduação e a pesquisa nos Estados da Federação, por meio da interação entre o Governo, a universidade, a iniciativa privada ou o terceiro setor, propiciando o desenvolvimento científico. 

 Quatro projetos capixabas foram contemplados. São eles:

  • Consolidação dos Programas de Pós-Graduação da Área de Ciências Agrárias do Estado Do Espírito Santo

Nas áreas:

  • Ciências Agrárias I (Recursos Florestais e Engenharia Florestal);
  • Ciências Agrárias I (Agronomia);
  • Ciência de Alimentos (Ciência e Tecnologia de Alimentos);
  • Medicina Veterinária (Medicina Veterinária).

PPGs Selecionadas:

  • Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias (Ufes);
  • Programa de Pós-Graduação em Agricultura Tropical (Ufes);
  • Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais (Ufes);
  • Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal (UVV);
  • Programa de Pós-Graduação em Agronomia (Ufes);
  • Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentos (Ufes).
  • Tic+Tac: Tecnologia da Informação e Comunicação + Tecnologia de Automação e Controle, As Tecnologias Inteligentes, Prioritárias, Emergentes e Aplicadas

Nas áreas:

  • Ciência da Computação (Ciência da Computação);
  • Engenharias IV (Engenharia Elétrica).

PPGs Selecionadas:

  • Programa de pós-graduação em Computação Aplicada (Ifes);
  • Programa de pós-graduação em Engenharia de Controle e Automação (Ifes).
  • Apoio à Consolidação do Programa de Pós-Graduação em Informática da Universidade Federal do Espírito Santo

Na área:

  • Ciência da Computação (Ciência da Computação)

PPG Selecionada:

  • Informática (Ufes)
  • Apoio ao Desenvolvimento de Programas de Pós-Graduações Emergentes na Área de Ciências Agrárias, Prioritária Para o Estado do Espírito Santo

Nas áreas:

  • Ciências Agrárias I (Recursos Florestais e Engenharia Florestal);
  • Ciências Agrárias I (Agronomia);
  • Ciência de Alimentos (Ciência e Tecnologia de Alimentos);
  • Medicina Veterinária (Medicina Veterinária).

PPGs Selecionadas:

  • Genética e Melhoramento (Ufes);
  • Agroecologia (Ifes);
  • Agroquímica (Ufes).

Clique aqui e leia as informações detalhadas do Acordo de Cooperação, como: 

– Extrato dos Termos de Outorga firmados com os coordenadores de PPG;

– Acordo de Cooperação Técnica e seu respectivo PD-FAP;

– Planilha contendo a relação de bolsistas a serem financiados pela CAPES;

– Planilha contendo relação de beneficiários de recursos de custeio a serem financiados pelas FAPES.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *