Dono do Bar do Pescador em Anchieta passa mal, cai no Rio Benevente e morre

Como diz o clichê “quando chega a hora certa, não tem jeito, é a sua hora”. Seu Luiz Almeida, proprietário do Bar do Pescador, na Praça dos Imigrantes, em frente ao Mercado de Peixe, no Porto de Cima, em Anchieta, morreu na manhã desta segunda-feira, 24, após cair no Rio Benevente depois de passar mal.

Informações da Guarda Municipal – GM, de Anchieta, que foi acionada as 7h30 e a primeira a chegar ao local dão conta de que o corpo dele foi visto por moradores boiando, alguns disseram que ele poderia ter se jogado, outros comentavam que ele teria caído e morrido afogado, mas pelas circunstâncias do corpo e não ter afundado, deixam pistas de que ele tenha passado mal. Uma fatalidade.

Seu Luiz sofria com diabetes e caminhava toda a manhã. Há indícios de que ele tenha passado mal enquanto caminhava, próximo ao posto de combustível, tenha caído no rio, bem próximo a cabeceira da ponte. “Ele era diabético, estava meio doente, mas parece que fazia caminhada todos os dias pela manhã e hoje ele saiu para caminhar. Acredita-se que ele passou mal e caiu na água. Não teria morrido afogado, afogado a pessoa engole água, morre e afunda, ele teria passado mal, foi o que nos informaram”, contou um GM.

O Bar do Pescador é famoso em Anchieta e já inclusive recebeu o prêmio do Festival de Sabor de Boteco com o pastel de camarão bastante vendido no estabelecimento.

O corpo do comerciante foi removido da água pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Departamento Médico Legal – DML de Cachoeiro de Itapemirim, onde será necropsiado e liberado para sepultamento.

 

Foto/ internautas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*