Dia D de combate ao Aedes é programado para o fim deste mês

A ação vai abranger dez bairros com mais notificações de dengue

Centenas de pessoas deverão ser mobilizadas para o Dia D de combate ao Aedes aegypti em Cachoeiro de Itapemirim, que a prefeitura organizará, com apoio de parceiros, em 29 de maio.

O mutirão vai abranger dez bairros com maiores registros de notificações de dengue: São Francisco de Assis, Parque Laranjeiras, Gilson Carone, Coramara, Agostinho Simonato, Caiçara, Waldir Furtado Amorim (BNH de Baixo), Luiz Tinoco da Fonseca (BNH de Cima), Marbrasa e São Lucas. Além disso, todas as unidades básicas de saúde da área urbana e do interior estarão envolvidas.

A realização desse Dia D foi proposta pelo prefeito Victor Coelho durante reunião em seu gabinete, no Palácio Bernardino Monteiro, na manhã desta quarta-feira (15), com os secretários municipais Paulo Miranda (Governo), Luciara Botelho (Saúde), Vander Maciel (Serviços Urbanos) e Lilian Siqueira (Esporte e Lazer).

O encontro também teve a presença de outras autoridades, profissionais das pastas de Segurança e Trânsito (Semset), Educação (Seme), Desenvolvimento Urbano (Semdurb), Desenvolvimento Econômico (Semdec), Meio Ambiente (Semma) e, ainda, representantes da Faculdade Multivix, do Centro Universitário São Camilo e do Tiro de Guerra.

“Nossa preocupação com o crescimento dos casos de dengue foi o que nos motivou a propor, de imediato, esse mutirão, que reforçará a série de ações preventivas já realizadas, permanentemente, por nossa gestão. Mas é essencial frisarmos, nesse momento, a importância da parceria entre o poder público e a população, fazendo com que os moradores entendam e cumpram seus papéis. Mesmo assim, no que cabe a nós, precisamos buscar e criar mais soluções para ajudar, de forma eficiente, os cidadãos a combater a dengue”, ressaltou Victor Coelho.

A secretária municipal de Saúde reforçou que os focos estão nas residências e não nos espaços públicos. “Se medidas não forem tomadas agora, poderemos enfrentar um cenário mais grave futuramente”, alertou Luciara Botelho, ao adiantar que, no Dia D, haverá distribuição de folders e de checklists, ações de limpeza para eliminação de criadouros do mosquito, dentre outras atividades a serem definidas até o mutirão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*