DESCEU DO ÔNIBUS PRESO, em Piúma, acusado de matar a mulher em Guarapari ontem

Acusado de matar a ex-mulher a tiros em Guarapari ontem foi preso em Piúma, dentro de ônibus fugindo para Vitória

O homem preso em Piúma

Acabou a fuga para Josimar Garcia, acusado de ter efetuado os disparos que mataram a ex-mulher, a balconista Shirley Simões, no bairro Coroado, em Guarapari, na noite desta quinta-feira, 09.

Foi montado um cerco tático policial e o ônibus foi abordado na rodovia ES 060 e o indivíduo identificado pelos militares, que após ser indagado, confessou a autoria do crime contra sua ex-namorada.

O suspeito recebeu voz de prisão, sendo encaminhado para o DPJ de Guarapari, onde a autoridade policial, ciente da prisão, aguardava para lavrar o auto de prisão em flagrante. A Polícia Militar pede que a sociedade faça denúncias pelo Disque Denúncia 181 para colaborar com a segurança pública

A Polícia Militar – PM identificou o suspeito como sendo o ex-companheiro da balconista, o segurança Josimar Garcia. Na manhã desta sexta-feira (10), o segurança embarcou na Rodoviária de Piúma, em um ônibus com destino a Vitória, em frente à Loja Rancho dos Queijos, no bairro Niterói.

De acordo com a PM, ao entrar no coletivo, passageiros reconheceram o homem e acionaram o 190. O ônibus foi abordado por policiais e Josimar foi preso e encaminhado para a 5ª Delegacia Regional de Guarapari.

O crime

Shirley Simões, 31 anos, seguia para casa, no bairro Itapebussu, após sair da padaria onde trabalhava, onde era balconista. Ela estava de moto quando foi surpreendida, por volta das 19h, na altura do bairro Coroado, e atingida por vários disparos.

Josimar não aceitava o fim do relacionamento que durou pouco mais de um ano. Shirley deixou uma filha de 8 anos.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*