De quarentena mais de 500 alunos da Rede Exemplo de Ensino estudam em casa em Piúma e Marataízes

As escolas: Colégio Paulo Freire e Colégio ITA em Marataízes e do Centro Educacional Paulo Freire em Piúma estão mantendo as aulas através do uso de material on-line, aplicativo de plataforma educacional, e-mail e WhatsApp

No grupo de WhatsApp pais se comunicam com os professores o tempo todo e mostram os filhos envolvidos com a aula on-line

Nada de ficar em casa vendo televisão, no celular, videogame, tablete ou computador em jogos ou vendo desenhos o dia todo. Ficar em casa para os alunos da Rede Exemplo de Ensino em Marataízes e Piúma é o mesmo que ir à escola, sem sair do conforto dos lares e sem se distanciar dos pais. Significa dar continuidade ao calendário escolar recebendo aulas fora das salas de aula com a participação dos pais, o que melhora ainda mais o interesse do aluno ao conteúdo.

A Rede de Ensino saiu na frente em tempo de pandemia no litoral. São aproximadamente 500 estudantes, todos de quarentena recebendo aulas em casa e suporte dos professores online. Um sucesso! A medida veio neste momento em que o mundo pede que fique em casa por conta do avanço da pandemia do novo coronavírus.

Professores do Paulo Freire de quarentena ministram aulas de casa

Em Marataízes e Piúma a Rede Exemplo de Ensino conseguiu adaptar toda sua estrutura e implementar um método onde os alunos pudessem dar continuidade às aulas. “Nós da Rede Exemplo de Ensino – Centro Educacional Paulo Freire – nos preparamos em tempo recorde e com toda estrutura digital disponível para enfrentarmos, juntos, o processo de confinamento no combate ao Covid 19. Nossas aulas estão funcionando totalmente on-line. Elas acontecem a distância no mesmo horário das aulas normais e seguindo a mesma distribuição de matérias. O contato com os alunos se dá através de grupos de WhatsApp, e-mail e atividade no Portal Positivo On. A receptividade por parte dos pais e alunos, tem sido excelente. Acompanhe os nossos stories e nosso feed diariamente onde são mostrados alunos em seu momento de aprendizagem tenham fé, tudo vai passar e estaremos bem”, postagem na página do Colégio no instagram.

Proposta iniciada em 2019

De acordo com a diretora pedagógica do Paulo Freire em Piúma, Karina Oliose, a visão da Rede de Ensino é transformar informação em conhecimento. “Iniciamos 2020 com uma proposta bastante tecnológica, oferecendo aulas de robótica do 1º ao 9º ano; uso da Realidade Aumentada e utilização efetiva da nossa plataforma digital. Com a equipe envolvida nessa cultura maker, a Rede Exemplo decidiu optar pelas aulas on line”.

kits de Lego e robótica distribuídos aos alunos

A diretora afirmou que a experiência é fantástica e a família tem participado muito do processo ensino-aprendizagem o que garante o sucesso das aulas em casa. “Ainda mais, porque nossa parceria com as famílias sempre foi muito grande. O acesso entre nós e as famílias sempre foi uma via de mão dupla. Por isso que a aceitação foi tão boa, nesse momento”.

As atividades não param de chegar para os professores que estão on-line

Em relação a avaliação Oliose assegura que há um sistema próprio de chamado de pragmática, que diz respeito exatamente ao comprometimento do aluno nas aulas. “Já estamos conseguindo medir pelo retorno das famílias ao processo on-line. As avaliações formais, ainda estamos aguardando orientação da Superintendência Regional”, disse a diretora.

O professor de História e Geografia, Geder Rocha chama atenção para a importância da educação no processo até de enfrentamento da pandemia. “A consciência que temos hoje refere-se ao papel sagrado do professor como o agente modificador de realidades, falo isso em nome dos grandes e brilhantes profissionais que temos hoje, que mesmo em muitos casos não tendo formação técnica para atuação da modalidade EAD, tiveram que se pôr diante da situação problema e atuar no projeto rápido e eficaz para o combate e enfrentamento a pandemia, lógico de maneira a gerir e suprir as necessidades de nossos alunos”, disse.

Aula em Sistema de home office em Marataízes e Piúma

As aulas ocorrem on-line, as ferramentas as mais diversas. Grupos de WhatsApp, listas de transmissão, grupos de facebook, e-mail, aulas em vídeo, tudo o que a tecnologia oferece.

Os estudantes têm à sua disposição os professores de maneira virtual no mesmo horário como se estivesse na aula presencial. Lembrando que os mestres trabalham em sistema de home office no aconchego de seus lares e sem correr o risco de serem contaminados pelo temido Novo Coronavírus.

Por outro lado, os alunos da Rede Exemplo de Ensino(Ensino particular), podem desfrutar um pouco mais de seus familiares e não terão perdas com o período de confinamento.

A empresária Sonia de Souza Diniz Rocha (proprietária da rede de ensino) disse que foi um desafio conseguir organizar tudo em tão pouco tempo. Entretanto tudo deu certo, e cerca de 500 alunos estão adquirindo uma experiência única com a utilização das ferramentas online.

Sonia informou ainda que a escola segue orientação preventiva do Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Estado do Espírito Santo – SINEPE/ES.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*