Chefe do tráfico no Village da Luz, Douglinhas do Amaral, é preso junto de dois comparsas

O “chefão” do tráfico de drogas do bairro Village da Luz, em Cachoeiro de Itapemirim, Douglas Lima de Aguiar, o Douglinhas do Amaral, de 30 anos, foi preso na manhã desta quarta-feira (20), juntamente de dois comparsas, Ernando Aquino de Souza, de 31 anos, e Genes de Moura Silva, o Geninho, de 31 anos, durante ação da Polícia Civil de Cachoeiro para cumprir mandados de prisão e busca e apreensão.

Douglinhas, que é acusado de pelo menos seis homicídios e ainda responde a outras duas acusações de tráfico de drogas, estava foragido da Penitenciária Semi-aberta de Vila Velha desde o dia 21 de junho deste ano. Ele foi preso numa casa na localidade do Frade, no município de Itapemirim, região que faz divisa com Cachoeiro. Com ele estava seu comparsa Ernando, que também é foragido da Polícia e tem mandado de prisão temporária expedido pela Justiça em Marataízes, pelo crime de homicídio. O outro detido na ação policial, Geninho foi preso no bairro Village da Luz, em Cachoeiro.

Com Douglas A Polícia Civil apreendeu duas pistolas de calibre nove milímetros, trinta munições de mesmo calibre, trinta buchas de maconha, dinheiro, e material utilizado para embalar a droga. Já na residência de Geninho, comparsa de Douglinha, os policiais encontraram uma submetralhadora de fabricação caseira, calibre 380, e vinte munições de mesmo calibre.

O trio criminoso foi conduzido para a Delegacia de Homicídios de Cachoeiro de Itapemirim, onde foram efetuadas as prisões em flagrante, e estão presos no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cachoeiro.

O delegado Felipe Vivas informou que Douglas é o responsável por assumir a liderança do tráfico de drogas no bairro Village da Luz, onde ocorreram cerca de três homicídios recentes, em razão da disputa pelo tráfico de drogas da região.

Para a Polícia Civil, integrantes deste bando foram responsáveis pelos assassinatos de Gabriel Alvarenga e Leonardo Faria Oliveira, o “Leléo”, ocorridos respectivamente em 6 de outubro e 4 de novembro no bairro Village da Luz.

Outra prisão

No dia 12 deste mês, a Polícia prendeu Vinícius Alves, conhecido como “Zói de Gato”, acusado de pertencer à quadrilha de Douglinhas do Amaral e ter sido o autor do assassinato de Leonardo Farias de Oliveira, o Leléo, morto a tiros na manhã do dia 04 de novembro no Village da Luz.

Com Leonardo a Polícia encontrou uma submetralhadora de fabricação caseira calibre 380, um revólver calibre 38, uma réplica de uma pistola, munições, balança de precisão, caderneta com anotações referentes ao tráfico de drogas e material utilizado para embalar a droga.

Fonte: https://www.dahoraes.com/

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*