Publicidade

Capixaba Gab Kruger recria clássico de Chico Buarque no show ‘Contos de Encantar’

Show de contação de história será lançado nesta sexta-feira (25), às 19 horas, no Youtube e integra a programação do projeto “Cultura em Toda Parte”

O clássico ‘Chapeuzinho Amarelo’, de Chico Buarque, que destaca uma menina que tinha medo de tudo, é uma das seis histórias que compõem o show de contação de histórias “Contos de encantar”, da artista capixaba Gab Kruger, que será lançado nesta sexta-feira (25), às 19 horas, no Youtube. A iniciativa integra a programação do projeto “Cultura em Toda Parte – Módulo Norte”, realizado pela Galpão Produções.

“Contos de encantar” nasceu após o sucesso do projeto anterior, ”Conta Outra”, onde Gab Kruger também usava como recurso um cenário minimalista e o teatro de objetos para contar as suas histórias e encantar o público. A capixaba, que é formada em letras, sempre foi apaixonada por literatura infantil, mas o desejo de fazer teatro arrastou a atriz e contadora de histórias da sala de aula para os palcos, onde ela consegue unir educação, arte e cultura através das suas contações de histórias. “O show está lindo, divertido. São histórias que vão agradar não apenas a criançada, mas toda a família”, diz a artista.

Gab Kruger explica que as histórias que integram a série é uma compilação das mais pedidas pelo público nos shows ao vivo. “É uma seleção caprichada, que vai divertir e emocionar. Como ingredientes deste grande espetáculo, a ludicidade, as técnicas da contação de histórias e muito amor”, destaca.

O show de contação de histórias tem trilha original do músico e produtor musical Diego Biazatti. Letícia Kruger assina o cenário, figurinos e make. O projeto foi realizado com recursos da Lei Aldir Blanc através da gestão Secretaria de Estado da Cultura (Secult), sob orientação da Secretaria Especial de Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal.

Serviço
Lançamento do show de contação de histórias “Contos de Encantar”, de Gab Kruger
Data: 25/6 (sexta-feira), às 19h
Onde assistir: no Youtube (nos canais da @galpaoibca, @festivaldecinemadevitoria e da @secult.es)
Gratuito. Classificação livre

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade