Cachoeiro é 2º lugar em edital da Eletrobras e garante verba para LED na iluminação pública

Cachoeiro de Itapemirim ficou em 2º lugar na classificação nacional da chamada pública Procel Reluz 2019, edital da Eletrobras para disponibilização de recursos a municípios para implantação de iluminação pública com tecnologia LED. Com isso, a administração municipal receberá aporte financeiro de R$ 364.575,83 para colocar lâmpadas de LED em 493 luminárias da cidade.

A proposta elaborada pela Prefeitura de Cachoeiro também foi a mais bem colocada em toda a região Sudeste e a única do Espírito Santo a conseguir aprovação. Além de atestar a excelência técnica do projeto apresentado, a melhor classificação garante preferência na liberação dos recursos em relação aos municípios com classificação inferior.

A estimativa é de que a prefeitura passe a economizar R$ 170 mil por ano com as novas lâmpadas, que são mais eficientes, duradouras e consomem menos energia. Como contrapartida pelo recebimento dos recursos financeiros, a administração municipal vai elaborar, no prazo de 1 ano, um Plano Diretor de Iluminação Pública, que contribuirá para a organização e ordenamento da iluminação pública em Cachoeiro.

O aporte do Procel Reluz será liberado após a conclusão do processo licitatório para a compra da nova tecnologia LED e a medição do serviço feito, o que deverá ocorrer no início do próximo ano.

“A prefeitura não terá que arcar com nenhum custo para a implementação de um sistema mais barato e eficiente, e o município ainda se beneficiará a longo prazo com o Plano Diretor de Iluminação Pública”, destaca o secretário municipal de Modernização e Análise de Custos, Alexandro da Vitória.

“Essa ótima classificação de Cachoeiro em um edital nacional tão concorrido atesta o compromisso da prefeitura com um trabalho técnico inovador, que contribua para diminuir custos, ao mesmo tempo em que eleva a eficiência dos serviços. No passado, o município foi o terceiro do país a implantar luz elétrica, e agora nos colocamos mais uma vez como referência nacional”, reforça o prefeito Victor Coelho.

PPP da Iluminação Pública

Neste ano, também foi iniciado o desenvolvimento do projeto de parceria público-privada (PPP) no setor de iluminação pública em Cachoeiro. O projeto embasará o processo licitatório para a concessão do serviço no município.

Único no Espírito Santo, o município é um dos sete, de todo o país, que tiveram propostas habilitadas em edital do Governo Federal. Para elaborar o projeto da PPP, cerca de R$ 2,7 milhões – provenientes de repasse do Fundo de Apoio a Concessões e Parcerias (FEP) – serão disponibilizados à prefeitura, que terá de contribuir com contrapartida de 10% do valor do contrato.

Em novembro, durante reunião no gabinete do prefeito Victor Coelho, a empresa contratada pela Caixa Econômica Federal para o assessoramento técnico do projeto apresentou um primeiro diagnóstico do município, com informações sobre questões socioambientais, de engenharia, além de estudos de mercado e modelagem econômica, dentre outros temas.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*