Assaltante invade casa de policial penal e é morto com um tiro na barriga, em Cachoeiro/ES

Um assaltante foi morto com um tiro na barriga após invadir uma casa, na madrugada de terça-feira (28), no bairro Ibitiquara, em Cachoeiro de Itapemirim. O tiro foi disparado pelo proprietário da residência, que é policial penal.

Mesmo ferido, o assaltante conseguiu escapar, mas caiu próximo à Avenida Pinheiro Júnior, onde foi socorrido pela Polícia Militar (PM) e encaminhado para a Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro, onde não resistiu ao ferimento e morreu.

O homem foi identificado pelo nome de Aldemir Rosário de Aquino, de 33 anos, que já tem passagens pela Polícia, pelo mesmo crime.

A invasão

Aldemir entrou na casa do policial penal pulando a janela do quarto que estava aberta. No momento em que entrou na residência, ele gritou “perdeu, perdeu”, ação esta que acordou o homem e sua esposa que dormiam no momento da invasão.

Assustado e surpreso com a ação do assaltante, o proprietário da casa, quando percebeu que o mesmo estava armado, teve tempo de sacar a sua arma, que estava na gaveta do criado-mudo de sua cama, e efetuou um único disparo, acertando a barriga do meliante. Devido à reação do proprietário da residência, Aldemir fugiu pulando a janela.

O policial penal então acionou a Polícia Militar e relatou o fato. Durante buscas nas imediações, um indivíduo foi encontrado caído na Avenida Pinheiro Júnior, ainda no bairro Ibitiquara, com um ferimento à bala no abdômen.

O homem então foi socorrido para a Santa Casa, mas morreu logo depois de receber atendimento médico. A arma do assaltante não foi encontrada pelos policiais.

O proprietário da residência entregou sua arma para os policiais e, juntamente com sua esposa, se apresentou na Delegacia Regional de Cachoeiro, onde prestou esclarecimento do fato, sendo liberado em seguida.

A Polícia Civil (PC) instaurou inquérito para averiguar o caso.

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*