Programa de educação em tempo integral em Cachoeiro será ampliado

Publicado em às 18:11.
Por Assessoria de Comunicação

Em 2019, três escolas municipais vão atender alunos pela iniciativa, implantada neste ano

 

O programa de Educação em Tempo Integral de Cachoeiro chega a mais uma unidade da rede municipal de ensino em 2019. A jornada escolar estendida será implantada na escola municipal Julieta Deps Tallon, no bairro Zumbi, para atender 150 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental.

Com isso, sobe para três o número de escolas contempladas pelo programa, iniciado neste ano pela Secretaria Municipal de Educação (Seme). As outras unidades são a Athayr Cagnin, no bairro Nossa Senhora de Fátima, que atende alunos do 1º ao 5º ano, e a Aurora Estellita Herkenhoff, no Aquidaban, que atende alunos da educação infantil (creche e pré-escola).

As matrículas para preenchimento das vagas oferecidas pelas três escolas para 2019 estão sendo feitas nesta semana, nas próprias unidades.

A secretária municipal de Educação, Cristina Lens, destaca que o programa tem alcançado resultados expressivos, devido ao conceito integralizador utilizado, em que não existe um turno de aula para atividades extracurriculares e disciplinas do currículo comum. O horário é montado intercalando as atividades esportivas e lúdicas, com matérias como português e matemática.

Além disso, os alunos também têm momentos para lazer e alimentação, que é acompanhada por uma equipe de nutricionistas. Como os estudantes ficam das 7h às 17h nas escolas, a equipe docente preza, ainda, pela busca do envolvimento familiar no cotidiano, com propostas como festas e gincanas.

“A educação em tempo integral está prevista no Plano Municipal de Educação e visa oferecer uma formação global aos estudantes, que são estimulados a desenvolver suas competências cognitivas e socioemocionais, com vistas à construção de uma aprendizagem ainda mais efetiva e significativa para o sucesso escolar. Neste primeiro ano do programa, estamos tendo um retorno muito positivo das comunidades escolares atendidas, e faremos a ampliação gradual dessa modalidade de ensino na rede municipal”, frisa Cristina Lens.

 

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*