Prefeitura apresenta projeto para criar programa Bolsa Atleta Cachoeiro

Publicado em às 12:58.
Por Assessoria de Comunicação

Programa prevê a concessão de incentivos mensais de R$ 200 a R$ 750 a esportistas cachoeirenses

A prefeitura de Cachoeiro encaminhou para a Câmara Municipal, nesta quarta-feira (12), um projeto de lei para a criação do programa Bolsa Atleta Cachoeiro. A iniciativa visa conceder incentivo financeiro a atletas, paratletas e atletas guias amadores do município para que se dediquem ao treinamento esportivo e participem de competições estaduais, nacionais e internacionais.

A proposta prevê a concessão de 28 bolsas anuais em quatro categorias distintas: Bolsa Atleta Estudantil (dez bolsas de R$ 200 mensais); Bolsa Atleta Estadual (dez bolsas de R$ 400 mensais); Bolsa Atleta Nacional (seis bolsas de R$ 500 mensais); e Bolsa Atleta Internacional (duas bolsas de R$ 750 mensais).

Os recursos do programa somente poderão ser utilizados pelos beneficiários para cobrir gastos com: alimentação; assistências médica, odontológica, psicológica, nutricional e fitoterápica; medicamentos; suplementos alimentares; transporte terrestre e aéreo para eventos esportivos; academia; personal trainers; e material e uniforme esportivo.

Os requisitos para pleitear o benefício serão fixados por meio de regulamento específico. Os recursos para cobrir as despesas do programa terão origem no orçamento da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semesp), que também terá a responsabilidade de estabelecer uma comissão para avaliar os requerimentos de bolsas e acompanhar a utilização dos incentivos.

“Trata-se de uma iniciativa inovadora no esporte cachoeirense. O programa vai representar um importante marco para o esporte se desenvolver ainda mais no município. Nosso objetivo é proporcionar mais condições para que atletas desenvolvam a sua carreira, levando Cachoeiro de Itapemirim aos lugares mais altos dos pódios. Em qualquer área, se tem investimento, tem resultado”, defende a secretária municipal de Esporte e Lazer, Lilian Siqueira.

O projeto de lei para a criação do programa segue tramitação no Poder Legislativo, onde deverá ser apreciado pelos vereadores do município nas próximas semanas.

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*