Prefeito de Anchieta almoça com jornalistas, afirma que a casa está arrumada para receber novos investimentos

Publicado em às 18:06.
Por Da redação

 O prefeito de Anchieta, Fabrício Petri almoçou com jornalistas, no Restaurante Maré Cheia, na Praia dos Namorados, em Iriri, nesta quinta-feira, 13 , enfatizou que, em dois anos de muito trabalho, a Administração Municipal de Anchieta virou a página, pagou as dívidas e equilibrou as finanças. Agora, o município está pronto para o desenvolvimento

 

O prefeito de Anchieta Fabrício Petri convidou os jornalistas para um almoço no Restaurante Maré Alta, na Praia dos Namorados, em Iriri e fez um breve balanço dos trabalhos realizados nos dois anos de gestão. Fabrício acompanhando dos assessores e o gerente de  comunicação Flávio Simões relembrou que quando assumiu a gestão também se encontrou com a imprensa para falar dos desafios e no ano passado ele novamente almoçou com os jornalistas onde anunciou os cortes e falou da necessidade de ajustar o orçamento a crise financeira que Anchieta passaria com a paralisação da Samarco. “Parece que foi ontem que a gente estava aqui, um ano se passou, isso faz a gente refletir no que temos que fazer. O segundo ano se encerrando mas ainda temos dois pela frente, para realizarmos o que planejamos, o que nós não esperávamos acontecer e que vai acontecer. Recentemente fomos surpreendido positivamente com bastante alegria, a nota A de Anchieta. É mérito de todos, todos os envolvidos neste resultado. É fácil, não, para chegar a este ponto foi preciso um caminho difícil com momentos de descontentações, de críticas, mais nós matamos a bola no peito e demos conta do recado, do resultado, como muitos vão aparecer em breve”, salientou Petri.

De acordo com Fabrício em breve outros resultados positivos vão surpreender o município de Anchieta. “Nós vamos conseguir alcançar resultados e além, do terceiro ano ser de muitas realizações, de obras, de ações em diversas áreas. O primeiro momento que tivemos com vocês foi daquele cenário catastrófico, com a queda da arrecadação acentuada, hoje saiu o índice definitivo . Em 2017 tivemos uma queda de 7% de ICMS, ano que vem vamos perder pelo menos R$40 milhões a menos. Lá atrás esperávamos um cenário pior, graças a Deus com o esforço da administração em melhorar a arrecadação, fazer a revisão do índice, a perda foi melhor, recuperamos royalties, recuperamos um crédito com a Samarco de R$12 milhões, isso tudo deu uma respirada melhor, ano que vem  a arrecadação deve fechar em R$180 milhões, acredito que consigamos atravessar 2019, que será o primeiro ano de fato sem a Samarco, mas nós vamos conseguir também. Nós traçamos algumas obras. No início do mandato nosso foco era regularizar a situação fiscal, recuperar a credibilidade, resolver as pendências com certidões negativas, isso foi crucial para conseguirmos receber emendas estaduais, federais, assinar convênio com o governo do Estado. Nós ultrapassamos R$15 milhões de emendas em maquinários, vão chegar três ambulâncias, spim para transporte sanitário, equipamentos, datashows, computadores, mobilha, vários outros que virão para o munício. Semana que vem vamos dar ordem de serviços a creche de Mãe Bá, a Creche de Iriri espero dar ordem ainda este ano, vamos licitar o parque municipal entre outros”.

Investimentos novos

Nestes dois anos diversos investimentos no município de Anchieta, a frota municipal está sendo substituída ou recuperada, novas máquinas foram adquiridos, as dívidas herdadas da gestão anterior foram pagas ou negociadas. O município está com o nome limpo e com credibilidade junto aos fornecedores e a população.

De acordo com a Secretaria Municipal de Finanças, para isso acontecer algumas medidas precisaram ser tomadas: cerca de 45% dos cargos comissionados foram congelados, redução no número de DTs, o transporte universitário foi readequado, redução de despesas de custeio como energia, telefone e água,  contratos renegociados, imóveis alugados devolvidos  e os que permaneceram alugados tiveram redução nos valores.

A prefeitura também lançou um programa de aposentadoria incentivada. Só com essa ação a economia anual aos cofres públicos será de mais de R$ 3 milhões.

A prefeitura também promoveu ações que ajudaram a incrementar a receita do município. Hoje em Anchieta é possível abrir uma empresa em apenas 15 minutos. Um programa com 10 projetos, o ‘Anchieta Criativa e Empreendedora’, ajuda promover o desenvolvimento da cidade em vários setores.

Com relação às dividas, mais de 20 milhões foram pagos. Outra parte foi negociada, o que possibilitou ao município  limpar seu nome e estar apto a receber emendas  e celebrar convênios. Cerca de R$ 15 milhões em convênios foram celebrados em 2018. E para fechar o ano positivamente a Prefeitura de Anchieta acaba de receber nota “A”  pelo Tesouro Nacional.

Além de várias ações e estratégias, também os eventos do município ajudaram a movimentar a economia. Alguns foram remodelados e novos criados para atrair turistas e fomentar o trade turístico.

Anchieta mostrou que está se reinventando. E mesmo frente a pior crise econômica de toda a sua história, está conseguindo manter as finanças equilibradas e ajudando a gerar emprego e renda.

Conforme o prefeito Fabrício Petri, o ano de 2019 promete ser de muitas obras. Algumas delas já em  execução, como o muro para contenção  do avanço da maré, na Ponta dos Castelhanos; a reforma da escola Zuleika Flores da Purificação, em Jabaquara. Em Mãe-Bá a campo de futebol está sendo recuperado e a creche da comunidade também em breve será concluída.

No Vale do Corindiba já foi instalada a torre de telefonia móvel. Nas estradas de Dois Irmãos foi aplicado o Revsol, facilitando a vida dos moradores da região.

Já em iriri será construída a escola Tom e Jerry, desejo dos moradores da comunidade. Na sede, Castelhanos e Iriri, foi iniciada a revitalização da sinalização viária.

A iluminação em vários pontos da cidade foi recuperada e melhorada. Um bom trecho da avenida Rauta recebeu um novo  capeamento asfáltico. O acesso às Ruínas Jesuíticas está recebendo melhorias e em janeiro deve ser concluída.

Outras obras já estão sendo planejadas, como a construção do parque RDS Papagaios, construção da sede  APA Tartaruga em Parati, calçamento de ruas, etc.

Na saúde, Anchieta é o município capixaba que mais investe em prol do bem estar da população. E na educação, é o terceiro município espírito-santense em investimentos.

O prefeito Fabrício Petri está otimista com as obras e projetos em execução e acredita que para o próximo ano, mesmo em meio a crise financeira, irá conseguir realizar muitos investimentos no município. “Estamos trabalhando com muito empenho e planejamento. Anchieta continuará sendo um bom lugar para investir, para trabalhar e principalmente  um bom lugar para viver”, disse Petri.

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*