Neuza Brunoro é a Cachoeirense Ausente de 2019

Publicado em às 16:38.
Por Assessoria de Imprensa

Homenageada é diretora do Centro de Ciências Exatas, Naturais e da Saúde do campus da Ufes em Alegre

 

Com 24 dos 57 votos válidos, a nutricionista e professora Neuza Maria Brunoro Costa foi eleita Cachoeirense Ausente Nº 1 de 2019, nesta sexta-feira (10), após votação promovida na Sala Levino Fanzeres, no Palácio Bernardino Monteiro, pela manhã.

Oito candidatos concorriam ao título, na eleição que tem votação secreta, com participação de representantes de entidades e organizações do município.

Neuza tem 58 anos e mais de 30 de magistério. É diretora do Centro de Ciências Exatas, Naturais e da Saúde do campus da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) em Alegre e professora titular do Departamento de Farmácia e Nutrição na mesma instituição. Tem doutorado em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade de Reading, na Inglaterra, e três pós-doutorados em universidades americanas. Também já lecionou nas universidades federais de Viçosa e Ouro Preto.

“Estou superemocionada, em primeiro lugar, pela indicação, pelo apoio que tive do grupo que me indicou, o que já é muito gratificante, ser lembrada pelos amigos cachoeirenses. E mais emocionada ainda depois do resultado, da apuração. Realmente muito feliz. Todos que concorreram são merecedores do título. Fico feliz, também, por representar a área da educação”, disse Brunoro.

“Vamos fazer uma festa bonita, muito alegre, com muita participação dos amigos. Faremos tudo para ajudar a manter essa tradição da festa. O povo de Cachoeiro é unido, tem coração aberto e valoriza os seus talentos, que são muitos. A responsabilidade é grande, de estar com a chave da cidade e honrar o nome, a tradição e todo reconhecimento que a cidade tem. O momento é só de gratidão”, complementa.

Amiga de Neuza, Valéria Jordão acompanhou a votação e comemorou o resultado. “Este momento é de felicidade. Neuza é uma querida. Ela chegou a ficar quatro anos no exterior, mas agora está perto de nós. Ela é merecedora”, comentou.

Outro amigo que celebrou sua vitória foi Acacio Frauches, o Cachoeirense Ausente Nº de 2017, que veio de São Paulo, onde reside hoje, especialmente para acompanhar a votação. “Estou de alma lavada. Amo Cachoeiro, amo minha amiga Neuza, amo o nosso grupo e amo essa tradição, que deve ser preservada. Estou feliz por ter participado de mais um episódio da história da cidade”, destacou.

“Agradeço a todas as pessoas envolvidas e as entidades que indicaram representantes para escolher a pessoa a ser homenageada com o título de Cachoeirense Ausente Nº 1 deste ano. Assim, cumprimos o objetivo de manter viva essa importante tradição da Festa de Cachoeiro”, frisou a chefe de Gabinete da prefeitura, Luana Fonseca, presidente da comissão responsável pelo processo de escolha.

Título

O título de Cachoeirense Ausente Nº 1 foi criado pelo jornalista, advogado e poeta Newton Braga – irmão do cronista Rubem Braga –, em 1939, como forma de homenagear os conterrâneos que, mesmo morando em outros locais, mantinham forte ligação com a terra natal. Os eleitos são sempre homenageados durante as festividades do Dia de Cachoeiro (29 de junho).

 

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*