Amigos cachoeirenses morrem juntos na batida do Pálio com a carreta na BR 101

Publicado em às 14:46.
Por Da redação

Foto internauta/ Gazeta Online – O Pálio ficou completamente destruído ao colidir com a carreta que acabou entrando contramação com o impacto

Dois amigos de Cachoeiro de Itapemirim acabaram morrendo após baterem em uma carreta baú carregada de alimentos e um Fiat Pálio. A tragédia ocorreu na manhã deste sábado, na BR 101, altura do Km 402, localidade de São José do Frade, em Itapemirim.

Morreram o pintor Cremilson Ferreira Lacerda, 41, morador do bairro União, que estava no banco do carona e o motorista, identificado como Jonathan, do bairro Monte Belo.

O acidente foi por volta das 7h40, próximo ao viaduto que dá acesso à Rodovia do Frade.

O motorista da carreta que não quis se identificar disse a um jornalista in loco que seguia para São Paulo carregado de alimentos quando teria sido surpreendido com o Fiat Pálio em uma ultrapassagem perigosa, tendo tentado desviar, mas não conseguiu e acabaram se chocando de frente.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o Fiat Palio colidiu frontalmente com o caminhão, por volta das 7h30. As causas do acidente não foram esclarecidas.

Testemunhas contaram que o Pálio, placa DRL-2787, seguia no sentido Rio de Janeiro x Vitória, quando bateu de frente na carreta Scania, placa EMU-3109, que seguia no sentido contrário para o SP.

A cena da batida desesperou os familiares das vítimas ao chegar no local do acidente.

Após acidente, a carreta, com 16 toneladas de carga, arrastou o carro por 25 metros e parou na contramão. Pedaços do automóvel ficaram espalhados na pista, parecia um filme de ação.

O motorista e o carona morreram na hora, preso às ferragens.

Devido ao impacto da colisão, a equipe da ECO 101 responsável pelo resgate e manutenção da posta encontrou muita dificuldade para

para separar o Pálio da carreta, tiveram de cortar a lataria do automóvel e desencarcerar as vítimas.

Os corpos foram encaminhados ao Departamento Médico Legal – DML, de Cachoeiro de Itapemirim, onde serão necropsiados e liberados para sepultamento. Cremilson será enterrado às 16h30 de hoje.

A rodovia precisou ser parcialmente interditada, mas foi liberada às 13h.

 

Um Comentário

  1. Postado em 23 de fevereiro de 2019 às 20:51 | Link

    Lamentável o tipo de acidente, principalmente numa rodovia que já deveria estar duplicada . Porque a concessionária não cumpriu o cronograma de duplicação das pistas contratado? Porque ainda continua com o contrato sem recisão?

Enviar comentário

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.
Campos obrigatórios marcados com *.

*
*
*